21 ºC 32 ºC Rio de Janeiro
(21) 2542-2132 ouvinterj@band.com.br (21) 99623-6060
Ato marca seis meses das mortes de Marielle e Anderson Gomes - Editoriais - Band News FM
Plantão

Cidade

Texto:
+
-

Ato marca seis meses das mortes de Marielle e Anderson Gomes

No Flamengo, familiares da parlamentar e do motorista realizam um manifesto pelos seis meses sem resposta

O manifesto acontece no Flamengo, na Zona Sul (Foto: Ana Lícia Soares)

Seis meses após as mortes da vereadora Marielle Franco, do PSOL, e do motorista dela, Anderson Gomes, familiares e amigos fazem atos em dois pontos do Rio de Janeiro para cobrar respostas, como "quem matou", "a mando de quem" e "qual a motivação".

No Flamengo, na Zona Sul do Rio, a Anistia Internacional, junto à familiares da parlamentar e do motorista, realiza um manifesto pelos seis meses sem resposta. Um caminhão com uma tela de LED 360º de 5 metros vai passar mensagens de cobrança em frente a algumas instituições estatais e do sistema de justiça criminal no Rio de Janeiro.

No Centro do Rio, outro ato está marcado para às cinco horas da tarde com o mesmo objetivo. Marielle e Anderson Gomes foram assassinados a tiros no bairro do Estácio, Região Central da cidade do Rio, no dia 14 de março deste ano. Mais de 10 tiros atingiram o carro em que eles estavam.

A principal linha de investigação é que o crime tenha sido político, com elvolvimento de braço da milícia.

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungamann, chegou a pedir a federalização da investigação. Já o secretário de Segurança do Rio, Richard Nunes, disse que quem quer que o crime contra Marielle e Anderson seja elucidado deve confiar no trabalho da polícia civil.

Marielle Franco foi a quinta vereadora mais votada do Rio na última eleição municipal, em 2016.

Por Ana Lícia Soares, às 14/09/2018 - 11:21

NEWSLETTER
OU