19 ºC 33 ºC Rio de Janeiro
(21) 2542-2132 ouvinterj@band.com.br (21) 99623-6060
Bolsonaro lança candidatura à presidência mas adia nomeação de vice - Editoriais - Band News FM
Plantão

Eleições 2018

Texto:
+
-

Bolsonaro lança candidatura à presidência mas adia nomeação de vice

Janaína Paschoal é cogitada para o cargo

Jair Bolsonaro lançou a candidatura e alfinetou oponente do PSDB, Geraldo Alckmin (Foto: Ana Lícia Soares)

Jair Bolsonaro, do PSL, disse durante a convenção que oficializou a candidatura dele à Presidência da República que ainda está conversando com a advogada Janaína Paschoal, uma das autoras do pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, para saber se ela aceita ou não ser vice na chapa dele.

Janaína Paschoal participou do evento que aconteceu neste domingo, no Rio de Janeiro. Ela confirmou que ainda está dialogando com o candidato e fez críticas aos eleitores de Bolsonaro, que, segundo ela, têm "uma ânsia por ouvir um discurso uniformizado". 

O político afirmou que, caso Janaína Paschoal não aceite o convite, poderá chamar algum militar das Forças Armadas. Segundo o partido, o candidato à vice-presidência deve ser anunciado até o dia 5 de agosto. 

Entre as propostas do político estão a privatização de estatais e a oferta de "retaguarda jurídica" para militares e agentes da segurança pública. 

Durante a convenção, Jair Bolsonaro alfinetou o também candidato à presidência da república, Geraldo Alckmin, do PSDB. O candidato do PSL disse ter sido ajudado pela suposta aliança de Alckmin com o "centrão" do Congresso porque "juntou a alta nata de tudo o que não presta".

Bolsonaro disse ainda que se sente confiante com a vitória dele no primeiro turno. 

 

Por Daniella Dias, às 22/07/2018 - 19:20

NEWSLETTER
OU