TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Pezão defende intervenção para o próximo governo - Editoriais - Band News FM

Segurança

Texto:
+
-

Pezão defende intervenção para o próximo governo

Governador acredita que a medida é uma tendência nacional

Por Luanna Bernardes, às 10/05/2018 - 18:57

00:00 / 00:00

Estado vai retomar o pagamento do Regime Adicional de Serviço. (Foto: Agência Brasil)

O governador do Rio acredita que a intervenção federal no Estado vai ser prorrogada para o próximo mandato. Em um evento no Centro da cidade, nesta quinta-feira (10), Luiz Fernando Pezão também afirmou que a interferência da União na segurança pública dos Estados é uma tendência nacional.

Questionado sobre os intensos confrontos na Rocinha, na Zona Sul da cidade, Pezão disse que tem a informação de que o PCC, facção criminosa de São Paulo, financia o grupo do Rogério 157 ou do Nem da Rocinha. Na quarta-feira (9), em mais um dia de intensos tiroteios na Rocinha, um policial militar morreu e outro ficou ferido. 

Também nesta quinta-feira (10), o ministro extraordinário de segurança pública, Raul Jungmann, reconheceu que ainda não é possível perceber melhoria na segurança pública do Rio, mas garantiu que os resultados vão aparecer. A declaração foi dada durante reunião no Palácio do Planalto com o presidente Michel Temer o interventor federal o Rio, general Walter Souza Braga Netto, e o secretário estadual de Segurança fluminense, Richard Nunes.

Também nesta quinta, governador voltou a afirmar que o Estado vai retomar o pagamento do Regime Adicional de Serviço. O desembolso previsto é de 9 milhões de reais por mês. 

OUÇA A REPORTAGEM COMPLETA CLICANDO NO PLAYER DE ÁUDIO.

NEWSLETTER
OU