TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Presidente do BNDES evita rebater críticas de Bolsonaro - Editoriais - Band News FM

Economia

Texto:
+
-

Presidente do BNDES evita rebater críticas de Bolsonaro

O presidente do Banco, Dyogo Oliveira, disse que já se reuniu com o futuro presidente da instituição

Por Isabelle Rangel, às 06/12/2018 - 13:52

00:00 / 00:00

Dyogo afirma que o banco deve fechar 2018 com R$ 70 bilhões (Foto: Antonio Cruz | Agência Brasil)

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, Dyogo Oliveira, disse que já se reuniu com o futuro presidente da instituição, Joaquim Levy. No entanto, ele não revelou detalhes de como está sendo a troca de informações com a equipe que vai gerir o BNDES no proximo governo. Ao comentar as críticas do presidente eleito, Jair Bolsonaro, sobre a falta de transparência do banco, ele evitou embates. Disse que, certamente, ele se referia a operações feitas pelo banco em outras gestões e que entrega um BNDES muito mais transparente do que quando entrou.

Dyogo Oliveira afirma que, com os sinais de retomada emitidos pela economia do país, o banco deve fechar 2018 com R$ 70 bilhões em desembolsos, recuperando a queda de 10% registrada até outubro. O número é próximo ao registrado em 2017. Apesar da manutenção do patamar, a expectiva do presidente do BNDES é de que haja forte recuperação econômica em 2019, aumentando a confiança dos empresários para investir. Para Dyogo Oliveira, há espaço para que o total de desembolsos no próximo ano seja maior que em 2018.

O ex-ministro do Planejamento do governo Temer participou, no Rio de Janeiro, da chamada para participação no programa de desenvolvimento de startups e do lançamento de um edital para selecionar o gestor do centro de inovação do banco. As iniciativas fazem parte do projeto BNDES Garagem.

NEWSLETTER
OU